12 outubro 2008

AS POSSIBILIDADES DE SE CRIAR E TECER COM O CROCHE SÃO ILIMITADAS.



Olá, amiga (o)!
Se você estiver com tempo, fique! Puxe uma cadeira e vamos conversar, confortavelmente.
 Hoje não quero te mostrar crochê. Hoje eu quero conversar com você sobre o crochê. Sobre como estou vendo o crochet, nesta minha fase ou meu momento. Sobre o que gosto e o que não gosto de crochet. Um ponto de vista muito pessoal. Um tema para se pensar.
 Você que frequenta esse cantinho já me conhece e sabe que quando resolvo conversar......falo tudo o que penso (risos) e isso leva tempo. 
Analisando aqui, lendo ali, pesquisando acolá... cheguei a conclusão que O CROCHET vai muito além das nossas criações do dia-a-dia... O crochê tem um enorme potencial a ser explorado. Potencial esse que vai muito além dos nossos tapetes, joguinhos americanos, cachecóis, roupas, bolsas, bijoux, etc.
 Comparando, o meu crochê com o que vejo por aí...posso dizer que o crochê que faço é um corriqueiro arroz com feijão. Tenho visto muita comida sofisticada por aí. Sou uma simples cozinheira curiosa, em comparação às (aos) várias(os) gourmets do crochê , maravilhosas(os) que existe mundo afora. Há muito venho prestando atenção e refletindo sobre a arte do crochê... Gosto de peças bonitas, uteis e práticas. O que é bonito pra mim pode não o ser para você. Aqui mais uma vez , faço questão de ressaltar que essa é minha opinião pessoal. É uma forma de me tornar um pouco mais transparente para você. É a forma que encontrei de me mostrar mais e de possibilitar que você me conheça um pouquinho mais.


 Não gosto de enfeites de crochê "por enfeites" simplesmente. Não gosto de centrinhos e forrinhos de mesas. Amo os seus modelos para fazer cobre jarras, tapetes, suplats, jogos americanos etc. Admiro a sua arte. Na minha mesa coloco , no máximo umcaminho e olhe lá! Pra dizer a verdade estou ensaiando pra fazer um. No momento não tenho nenhum. Nem por isso deixo de apreciar os que encontro nos blogs das amigas e respeito muitíssimo seus gostos.
Tapetes... Ah, os tapetes! Para mim os tapetes têm que ter personalidade marcante. Tem também que ser poderosos. Gosto daqueles que fogem ao convencional. Mas, atenção (risos)....Tapetes para mim apenas nas saidas de box de banheiros, beira de pia da cozinha e de cama.
 Não gosto de capa de crochê em tampas de vasos sanitários, e o motivo é muito simples...São muito anti-higiências! Se você gosta respeito.
Me pergunto, pra quê tapetes em beira de pia e de vaso sanitário? Huuuuum..... Nem dá pra responder.....Eu não gosto de jeito nenhum!!! Admiro a arte do trabalho em crochê mas no meu banheiro não uso. Banheiro que homem frequenta, então.... nem pensar! Já pensou no estado do tapete na beira do vaso? Se alguma goticula ali cair, ali se perde e fica até que o tapete seja lavado. Sem o tapete você ou ele, vê e limpa imediatamente. Com tapete, ali cai, ali se perde e nada se vê. Não..... não gosto, na minha casa, não!  Minhas restrições, são também por ficar ali, sem troca, por 24 horas, entende?  É por isso que não uso. Prefiro sem nada. O banheiro fica mais limpo e sempre cheirosinho e higiênizado.  Sou chata no combate as bactérias (risos). Zelo pela saúde da minha família. Amo aprender com o Dr Bactéria (risos).  Você já ouviu ele dizer, o que acontece no seu banheiro, quando você dá uma descarga com a tampa do vaso levantada? Um gigantesco spray, do que está dentro do vaso, inunda o seu banheiro, inclusive você. São milhares de gotículas e bactérias que se espalham em tudo. Agora, imagine... a capa da tampa de vaso... como fica? Ela que está alí bem pertinho. Não...não dá mesmo! De crochê no meu banheiro, apenas tapete de box, toalhas, buchas e sabonetes esfregões. Que fique aqui bem claro "eu" não gosto. Você pode adorar e tomar os seus cuidados. Usar e dar tudo certo. Respeito muitíssimo seu ponto de vista e seu gosto. Que fique claro que não estou aqui querendo ser a dona da verdade. Longe de mim. Estou apenas colocando meus pontos de vista.
 Ainda dentro do que não gosto... Não gosto de tapetes de crochê na porta de entrada da casa. Ali prefiro os capachos. Os tapetes de crochê se sujam rapidamente e como não gosto de vê-los sujos, fico querendo trocar o dia todo. Pode? Não, não dá! Não gosto e não acho prático. Jamais usaria um desses tapetes que faço, na porta da minha casa, para limpar os pés. Você gosta? Ótimo! Respeito seu gosto e sua opinião. Estou apenas te contando como sou e do que gosto.
Nossa terra é de cultura e muito roxa. Então não dá, mesmo. Crochê na cozinha pra mim, apenas em cortinas, jogos americanos, aneis para talheres, porta guadanapos, porta azeite, luvas, cabos de panela, bicos de chaleira, porta pirexs, puxa sacos, cobre jarras, cobre pães e quitandas, cobre bolo, cobre pratos, forro de bandeja, e nos barradinhos dos meus panos de prato, é lógico! Assim mesmo, meus panos de prato do dia-a-dia, são sempre branquinhos e com barradinhos simples e resitentes, para aguentarem a lavação. Assim os fios do crochê não se rompem com facilidade e eles ficam bonitos por mais tempo. Amo os barrados mais laborados e elegantes para os panos de copa que uso em dias de comemorações. Acho que é só! Tudo isso, aliás (risos)!
 Não sou adepta dos forros de fogão, forros para filtros, capa para liquidificadores, capa disso ou capa daquilo. Gosto de algumas capas sim, mas as que me são práticas e úteis. Não gosto de nada disso! As admiro como arte. Você gosta? Respeito o seu gosto. Não se esqueça de que estou apenas te contando do que gosto e do que não gosto no croche. E gosto cada um tem um felizmente. Assim tudo fica diferente e lindo.
Gosto de uma cozinha mais clean e com excessos de capas eu acho que fica muito carregada. Gosto dela mais clean e apenas com alguns toques de crochê para deixá-la mais aconchegante. Assim mesmo tudo harmonizando. 
 No crochet como um todo, já vimos inumeras peças que fogem do convencional. Que fogem, ao que fazemos no nosso dia-a-dia. Tenho me enamorado de peças assim. A criação artistica tem me chamado a atenção. Seja ela no crochê vintage, como no crochê moderno. Gosto de admirar o que é belo e harmonioso. Existem vários trabalhos que gosto muito e tantos outros que não admiro tanto assim. Já vi muito coisa linda e que acredito que deveria realmente ser reproduzida várias vezes e também peças que deveriam estar numa lista intitulada de "o que não se deve fazer de crochet". Fico lembrando e te pergundo você se lembra, daquela poltrona de croche totalmente vazada, daquele puff de croche, também vazado e daquele acessório para mesa de estudo, também no crochê, de forma moderna? A poltrona eu queria ter na minha sala. Lembra daquelas poltronas cobertas de rosas de crochê, que postei recentemente? Me apaixonei por elas. São verdadeiras obras de arte. Lembra daquelas árvores cobertas de crochê artístico? Verdadeiras esculturas vivas?! Lembra da bicicleta toda envolta no crochê? Totalmente lúdica. Gostei do que vi. É a nossa criatividade ganhando asas no crochê. Ela era um ornamento de uma vitrine. Se lembra daquela moto, toda coberta no crochet, que rola na rede? Um grande trabalho artístico, sem sombra de dúvidas mas que não me encanta tanto assim. Admiro a arte do seu crochê e só. Lembra das exposições em museus, com peças de crochet, as mais psicodélicas possíveis e imaginárias, que constantemente vemos na net? Lembra das flores e bonecas que muito fogem do convencional? Lembra da capa daquela Ferrari? Lembra do crochê freeform? Lembra dos amigurumins? Dos ovos fritos, sanduwichs, bolos, doces, frutas, verduras etc em crochet? Lembra dos crochês de materiais reciclados que contribuem para um mundo melhor? Lembra da roupa de crochet que abriga e protege? Lembra das mantas que agasalham? Lembra dos gorros que protegem cabecinhas? Lembra das luvas, toucas, bonés, cachecois, xales, ponchos, capinhas, vestidos, blusas, saias, calças, shorts, biquinis, maiôs, flores, colares, brincos, aneis, bolsas, tiaras,lenços, panos de copa, toalhas de mesa, centrinhos, forrinhos, buchas, sabonetes esfregões, capa disso,capa daquilo, etc, etc, etc...... É tudo arte! E pensar que tudo isso e muito mais, foi criado a partir de muita criatividade, uma simples agulha de croché e uma linha, usando os pontos básicos do crochet(correntinha (corr), ponto baixíssimo (pbx), ponto baixo (pb), meio ponto alto (mpa) e o ponto alto (pa), é fantástico! Tudo isso é arte.
O uso dos pontos do croché define o que será essa peça. O tamanho desses pontos, bem como o número de seus vizinhos,nas linhas acima e abaixo, determina a forma desse trabalho. Eles nos permitem criar formas as mais diversas possíveis. Se acrescentamos pontos, o trabalho se curva pra fora ou embabada. Se reduzimos pontos, ele se curva para dentro ou se afunila. Se iniciamos com um numero menor de pontos, aumentamos no meio da peça e diminuimos no final ele forma uma peça abaulada. Podemos formar quadrados, círculos, triangulos, trapézios, as figuras geométricas mais diversas,ou não.... Figuras humanas, de animais ou da natureza. Fazemos desenhos lindos com o crochê. Fazemos também pigentes, quinas, cantos e curvas. Também fazemos depressões, elevados, e outras formas mais, dependendo dos pontos que usamos.
A não exploração do crochê como escultura de arte é uma pena. O seu potencial escultural é enorme. 
 Você já observou o quanto um ponto muda de uma artesã para outra?
Se você pegar uma peça ou um mesmo gráfico, uma mesma linha, uma mesma agulha e passar para várias crocheteiras, no final você terá várias peças parecidas, mas não idêntidas. Uma será mais maleável que a outra. Uma será maior que a outra e dai por diante... Jamais uma peça será idêntica a outra. Cada pessoa tem a sua forma de fazer o crochet. Umas com mais tensão no fio, outras com menos ou quase nenhuma. A tensão dos pontos, mesmo que de uma mesma pessoa, muda de um momento para o outro. A tensão que você emprega na sua linha pode ocila, por isso é importante, quando você estiver fazendo o seu crochê e tiver que parar, termiar aquela carreira para não dar diferença quando você voltar a tecê-la.
 E os desenhos do crochê? Os desenhos do crochê embutem um segredinho aqui, outro ali. Porém, na maioria absoluta deles, seus pontos são repetitivos, o que nos permite facilmente compartilhá-lo com outras pessoas.

Tudo isso e muito mais só existe porque quem com agulha e linha, cria e tece, independente de ter cursado ou não uma faculdade, é uma artista do crochê, é uma designer do crochet.
Certa vez, uma amiga disse que pra ela existem dois tipos de crochês: O crochê brega e o crochê chic. Eu sempre digo que nós crocheteiras andamos no fio da navalha.É precisamos tomar muito cuidado para não nos ferirmos. A qualquer descuido podemos tender para o brega. Alias é bom que nos lembremos que o brega é um estilo de vida. E estilo de vida cada um tem o seu e devemos respeitar o de todos. Pensei muito no que ela disse... Hoje chego a conclusao que ela tem razão. Não existe crochê mais ou menos. Ele é feio ou é bonito. É brega ou é chic. Só se diferenciando pelo gosto e cultura de cada povo... O que é brega e lindo pra mim, pode ser horroso para você. O que é clean e maravilhoso para você pode me soar muito insipido. Cultura, gosto e estilo, cada povo tem o seu e isso não se discute e deve ser muitíssimo respeitado. Eu gosto do verde e você pode não ser muito chegada a essa cor. E por aí vai. Há que se respeitar o gosto e a cultura de cada um.
De acordo com que vamos estudando, desde o b + a = ba, na Escolinha da Professora ELAINE, até o PHD também na Faculdade do Crochê da Professora Elaine , vamos aprendendo e nos especializando. Como todo profissional, não podemos parar. Temos que estar sempre pesquisando e estudando. Trocando figurinhas. E é isso que fazemos, dia após dia, nos nossos blogs. Trocamos figurinhas e nessa quase brincadeira vamos nos especializando, mais e mais, apendendo dia-a-dia, umas com as outras. Assim vamos conhecendo mais o croche no mundo, seus povos e seus costumes. Conhecendo suas tendências, suas modas e aprimorando mais e mais o nosso crochê.
 Hoje a moda não está só nas vestimentas e nos carros. Ela está em tudo. Esta presente nas nossas casas, passando pela area de lazer, sala, quarto, cozinha e lavanderia. A moda está por todos os lados. A cada estação uma nova tendência. Com a globalização,então...tudo que se usa por aqui, que divulgamos, pode ser rapidamente aceito, adaptado e virar moda lá fora e vice versa. Somos um povo alegre e cheio de vida. Gostamos do sol, da vida, da alegria e principalmente de ser feliz, por isso gostamos tanto de brincar com as cores.


Gosto do crochê elaborado, pensado, abusado e poderoso.
Gosto do crochet moderno, prático e harmonioso.
Sei também admirar os vintages. Eles me inspiram ... e como inspiram! Gosto de crochê, de usar crochê, de ver todo tipo de crochê e principalmente de fazer crochê.


Abraços com laçadas,
Sônia Maria

55 comentários:

  1. oi amiga sonia te encontro toda a razao ,nao poderia espressarme melhor kkkkk e o que todas crocheteiras pensamos ne.bom te desejo tudo de bom uma otima semana e muito iluminda .beijos fica com deus.

    ResponderExcluir
  2. Vc e o teclado estavam em sintonia!!! hein colega?!!!kkkk
    Concordo em gênero, número e grau com vc!!!
    Maravilha de texto e expressão...
    Costumo dizer tb q o croche tem uma linha tênue...entre o brega e o chick!!!
    Somos "crocheteiras internautas" e com esta ferramenta poderosa de comunicação...é fácil estarmos atualizadas! Basta atenção!

    bjsssssssss e boa semana!!!

    ResponderExcluir
  3. Oi Sônia,
    Concordo plenamente com você. E que bom que você existe e nos passa com tanta destreza todas essas informações. Seu blog como o da Elaine é uma grande escola. Muito obrigada por nos presentear com tanta informação.
    Tenha uma linda semana!
    Bjs Kátia Moreira

    ResponderExcluir
  4. Olá Sónia!!

    Amiga vc arrasou...vc é uma crocheteira nata.. eu sou uma aprendiz, iniciante, mas gosto de criar, ou de tentar pelo menos... e é uma satisfação o resultado do nosso esforço...
    Boa semana...


    beijinho

    Rosie

    ResponderExcluir
  5. Oi Sônia, resolvestes filosar entre fios e laçadas ...hehe...gostei...também nunca tive coragem de colocar tapete no banheiro nem capa de vaso sanitário...moooorrro de medo dos germes..kkkkkkkk....e...homem...no banheiro....urgh...fazendo pipi....já viu né....não dá mesmo...dei risada qdo achei alguém que pensa como eu..hehe...
    O mais gostoso no crochet é que podemos mesmo partindo de um trabalho criado por alguém...acrescentar...diminuir...eencurtar...encurvar...achatar...e sai algo novo....e útil e bonito à nossa medida e gosto...Gostei da forma que colocou sobre o crochetar...é isso aí....CROCHET É UMA ARTE! E como todo artista qdo numa sala com vários artistas e um objeto cada um o faz do ponto de vista, luzes e sombras em que o vê...assim são as crocheteiras.
    Parabéns pelo seu texto...e por compartilhar conosco seus devaneios e seu gosto pessoal sobre a arte do crochet!
    Beijinhos e boa semana!
    Silvana

    ResponderExcluir
  6. uma ótima semana, ah dorei sua visão sobre o crochê.

    ResponderExcluir
  7. Olá Sonia, aprecio muito e acompanho seu blog, maravilhoso.
    Olha concordo com vc em tudo, td odeio muitas coisas bregas em croche, e aprecio a beleza e a inspairação de muitas peças. Boa semana, Bjs.
    Cláudia Azeredo
    bordados.ecores@yahoo.com.br

    ResponderExcluir
  8. Oi, Sônia Maria!
    Acho que já está na hora de vc abrir um blog só para crônicas pq o dia que o "santo baixa" só mesmo puxando a cadeira (rs). Realmente vc tem muito potencial. Pense nisso! Sempre vi a música, religião, política, literatura, artes, esportes etc... rompendo fronteiras. O crochê, como um grande seguimento das artes, está agora rompendo barreiras como nunca se viu. Ele está cada vez mais estreitando os laços entre pessoas e povos. E a necessidade de comunicação se esbarra na grande diferença de pronúncia. Lendo o seu texto senti que além do designer e lugar de colocação dos mesmos vc busca no crochê algo muito mais profundo. E sabendo do seu espírito empreendedor deixo aqui uma sugestão. Quem sabe possa ela ir ao encontro de seus anseios. Que tal se elaborássemos uma cartilha para comentários em blogs de várias línguas? Frases pequenas. Coisas do tipo: "olá, os seus trabalhos são lindos - adorei o seu blog - obrigada pela visita...".
    Não sei se soube me expressar, mas espero sinceramente que vc tenha entendido. Assim poderíamos pensar com carinho nessa possibilidade.
    E, finalmente, como tudo na vida "NADA SE CRIA, TUDO SE COPIA E NO MÁXIMO, AMPLIA-SE" deixo a você um abraço entrelaçado de carinho e beijos.
    Sua fã da fila do gargarejo,
    Dô.

    ResponderExcluir
  9. Boa noite,Sonia!
    Acho que você me conhece bem e minha paixão pelo crochê.Paixão tamanha,que tentei trazer para o crochê esta idéia maravilhosa do Biscornu que está sendo muito bem reproduzida pelas pessoas que o fazem no ponto de cruz.Parece que foi muita pretensão minha,mas tudo que vejo,quero transformar em ponto baixo...ponto alto...laçadas e mais laçadas.
    Este vício(bom) ás vezes nos faz ir além da imaginação.
    Quanto a sua postagem que você rotulou como um devaneio...acho que não,falou com muita propriedade.
    Um beijo,Nena

    ResponderExcluir
  10. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir
  11. Oi Sonia,as lãs...eu acho que toda lã pinica...rsrsrs
    Como aqui é muito frio no inverno,eu não uso roupas de lã,pois passam vento.
    As lãs acrílicas são as mais baratas e para trabalhos como o tapete...
    Agora existe as lãs caríssimasssss...para blusas,mas eu acho que lã solta pêlo,dá coceira...rsrsrsrs...
    Agora estamos no outono por aqui,friozinho e chuva.
    Hoje montei um blog com vídeos de uma novela japonesa com legenda em português,quando puder assista.
    Bjos

    ResponderExcluir
  12. Bom dia Sónia,
    Quando você está inspirada não há nada que a pare. Eu também sou assim, mas como não gosto de escrever prefiro falar com meu marido. A reacção é imediata. Eu adoro croché, simples, elaborado, útil ou apenas decorativo. Tento estar sempre em renovação do pouco que sei e é por isso que alguns blogs são tão importantes para mim. Com eles aprendo mais um bocadinho todos os dias. O seu engloba-se nos meus preferidos.
    Bjocas de Portugal
    Raquel

    ResponderExcluir
  13. OI sõnia, obrigada por sua visita, adoro crochê, e fico sempre encantada com o que vejo pela net, sorte de quem aprecia, faz e valoriza os trabalhos em crochê...
    Quanto ao comentário do anônimo, acho que esta pessoa deveria cuidar mais da vida dela, se a Sônia te incomoda, porque tem que vir ao blog dela?Se ela dá a opinião pessoal dela, os blogs são feitos para isto também, falar de nossa vida, acho que você deveria parar de vir no blog dela, ir cuidar da sua vida, peguei as dores?? Peguei, porque afinal, você está sendo grosseira com todas nós, em vez de agredir os outros, vai ser feliz, ouça o riso de uma criança, ouça uma música alegre, sinta o perfume de uma flor, sinta o cheiro da chuva, ou de pão fresquinho saindo da padaria, quem sabe seu dia não melhora, e você vai se sentir um pouco mais feliz?!!
    Beijos Sônia...
    Beth

    ResponderExcluir
  14. VAI PROCURAR O QUE FAZER, VC TOMA TODO O TEMPO DAS PESSOAS ESCREVENDO MERDA
    O QUE INTERESA PRAS PESSOAS SE SEU MARIDO É UM PORCO E MIJA NO CHÃO SE LIGA EM VEZ DE FICAR ESCREVENDO MERDA VAI FAZER CROCHE ELABORADOS PQ VC SÓ FAZ LIXO.
    VC É UM SACO UMA VELHA RABUGENTA CADA UM FAZ O QUE QUER VC NÃO TEM NADA COM ISSO
    PARA DE ENCHER O SACOOOOO VELHA RIDICULA
    EU VOU DENUCIAR SEU BLOG ESTA MESDA VAI SER FEXADA VC ENCHE O SACOOOO VAI OCUPAR SEU TEMPO COM UMA AGULHA NA MÃO E PARA DE CRITICARAS PESSOAS VC SÓ ESCREVE MERDA
    SAI FORA TRANQUEIRA.
    AGORA VEM AS RETARDADAS E FICA CONCORDO QUE LINDO, FALA SERIO LINDO FALAR MERDA.
    CHOOOOO ROSEIRA.

    ResponderExcluir
  15. Querida Sônia Maria!
    Resumo você em uma única palavra:
    ELEGÂNCIA!!!
    Elegância nos relacionamentos, nas artes manuais, nas palavras...
    Elegantemente,tambem ignoramos a quem nosso sucesso incomoda, não é mesmo?
    Imagino também, as agulhas de crochê, pelo mundo, tecendo fios, redes, rendas, sonhos, e, principalmente, AMIZADE, COMPANHEIRISMO, PARTILHA...
    Partilhamos pontos, formas diferentes, juntamente com experiências vividas, lágrimas e sonhos.
    O crochê plasma tudo isso!
    Agora, um pedido de orientação:
    Como deixar um recado não anônimo, se não tenho blog e nem página na net?
    Deixo assim, por não saber deixar de outra forma.
    Há alguns blogs que não consigo comentar e agradecer.
    Por favor, ignore as pedras que de vez em quando caem por aqui.
    As flores compensam!
    Um grande abraço!
    Bia Bueno, Jataiense de Goiânia
    bia_limabueno@yahoo.com.br

    ResponderExcluir
  16. Sônia, só discordo de você numa coisa, você não faz só o arroz com feijão, você faz um croche fino e super elegante! Esse fim de semana mostrei o seu blog prá minha mãe, que também dá uma arranhada no croche mas que o forte dela é o patchwork. Ela amou! Ela me deu uma revista maravilhosa, vou scanear e te mando. Beijos e parabéns. Adriana (avmsarmento@yahoo.com.br)

    ResponderExcluir
  17. Olá, querida amiga, Sônia Maria.!!
    gostei da conversa, amizade de crocheteiras tbem é dialogo.....Croche é uma arte, e temos que nos aperfeiçoar, p/ cada vez melhor executar......precisamos mais dessas informações, muito obrigada.
    Abraços com laçadas. Ivete.

    ResponderExcluir
  18. Oi Sonia!!
    É, tb penso como vc, aqui é assim casa de ferreiro espeto de pau. Faço toalhinhas, trilhos pra presentear e encomendas, mas na minha casa não tenho nada disso. Pra não dizer que não tenho, uso um porta guardanapo q fiz e as bolsas, mas tapete na frente do vaso, tampa de vaso sanitário(este mesmo ate fiz a cabeça de algumas pessoas o qto é antihigienico, e consegui),nada contra mas tb toalhinhas com bibelos, quadros de fotos da familia em cima de moveis tb não gosto, acho que isso tem que ser em album e se nostra pra algumas pessoas, nem todas. Gosto de tudo limpo, amplo, sem capas pra isso e aquilo. Faz tempo que havia feito um tapete sapo mas este uso em cima da cama para os cachorrinhos comer pq eles vaõ no pratinho pegam muita ração na boca e largam em cima da cama e voltam a comer, então coloco o tapete e eles fazem em cima dele...Eles podem tudo...rs. Por hj chega ne...hehehe
    bjs Hede

    ResponderExcluir
  19. Bom dia Sônia !

    Gostei da sua reflexão. Compartilho da mesma opinião. O cuidado ao distiguir o brega e o chic, o feio e o belo, o útil e o desnecessário.
    Também tenho observado o efeito do crochetar ( tricot incluso). Sinto que a cadência e o foco do crochet harmonizam o ritmo com que nossos pensamentos fluem. Você já observou isso?
    Abraço e muito obrigada!

    ResponderExcluir
  20. Olá Sonia, nao só concordo com voce, mas acho que para te entender tem que ter elegancia, educaçao aprimorada, bom gosto, refinamento (coisas que ou vem de berço ou se conquista na vida com a vontade de crescer), saber escrever corretamente o portugues, se identificar, algo que pelo que já li nos comentários não é qualidade para todas. Eu ainda estou sem tempo para acabar meu blog, estou esperando as ferias escolares, pois tenho jornada tripla aqui na faculdade. Continue sempre dizendo o que voce pensa, fazendo os croches maravilhosos que faz, de muito bom gosto, um colirio para quem gosta de desafios , prezando sempre o bom acabamento, a perfeiçao que é o que se espera de uma mulher com tanta fibra como voce.
    Abraços
    Ivana

    ivanacorrea04@hotmail.com

    ResponderExcluir
  21. olá amiga querida...li com atenção tudo que vc escreveu, e acabei por descobrir que além de designer de croche, minha amiga Sônia ainda é uma filosofa do crochet, rsrrsr.Realmente o crochet é uma arte maravilhosa, e muitas coisas que vemos são interessantes e não muito funcionais...eu me deparo com meu banheiro, por exemplo, e vivo me perguntando porque não tem nenhuma peça de crochet,rsrsrr. Eu achava que o motivo era aquele antigo ditado, que em casa de ferreiro o espeto é de pau...mas hj, minha amiga designer filosofa do crochet, me mostrou claramente pq não tenho tais peças, não funcionam...morro de nojo de tapete sujo, tampa de vaso, nada em cima, sem contar que quando fiquei noiva disse ao pretendente, meu marido, que só casaria se ele fizesse xixi sentado, e advinha? aqui em casa não tem gota de xixi no chão,rsrsrr. A primeira coisa que observava em alguém antes de namorar, enquanto solteira, era o sapato e os dentes, porque se não cuida das coisas que estão à vista, imagine as que ficam às escondidas... aqui em casa é assim, tudo mais prático possivel, tudo mais simples possível, claro que com elegancia(na minha opinião). Para banheiro, até gosto dos porta sabonetes, porta papeis higienicos, buchas, esfregões, e também os barrados em jogos de banho que ficam sper charmosos, mas como só uso toalhas de banho brancas (rsrsrrs), porque são mais fáceis de detectar a sujeira e até para lavar,então tenho poucas com barrado em crochet...e tudo que faço acabo presenteando pessoas que amo...Mas o importante mesmo para o nosso mundo virtual, é deixarmos os pré-conceitos de lado e trocarmos idéias e figurinhas e adaptarmos ao nosso chique independente do que é brega pro outro, rrsrsr.
    um bj no coração, e muito obrigada por goistar das minhas performances como tia ana paula,
    bjkas
    ana

    ResponderExcluir
  22. Olá Sônia, está ou esteve com a corda toda, hem, menina!
    Grande dia de inspiração o dia das crianças crescidas e bem instruídas.
    Eu li 12, 13 e hoje retorno para lhe desejar muitos bons fluidos, e não discordando em nada, até porque, o que seria do nosso verde se não fosse o azul...
    Um abração carinhoso da Wal

    ResponderExcluir
  23. Olá Sônia Maria!

    Você é muito chic!Você estava inpirada hein!Rsss...
    Concordo com você.

    Boa semana,
    beijo!

    ResponderExcluir
  24. Boa tarde Sônia!
    Como sempre visitar o seu blog é uma grata surpresa!
    Vc. deveria além de crochteira, tornar-se escritora, pois escreve c/maestria.
    Concordo c/vc. crochê em banheiro só nos barrados de minhas toalhas de banho.
    O crochê nos proporciona um vasto universo p/criação de peças que poderão tornar-se lindas, delicadas, elegantes e indispensáveis em nosso dia-a-dia.
    Continue sempre nos presenteando com suas peças maravilhosas e com sua palavras.
    Boa tarde e um bjo. iluminado em s/coração.
    wandaluchezi@hotmail.com

    ResponderExcluir
  25. Sônia, estou sem palavras pra comentar, só que falou e disse rsrsrs... Parabéns, te adimiro por ser assim espontânea!!
    Bjo no ♥

    ResponderExcluir
  26. olá Sonia... gostei das suas palavras, ficaram bem bacanas... Lembra uma gostosa cronica daquelas revistas femininas... rs CrochÊ, bem como qualquer tipo de arte ou artesanato, vai de gosto... eu adoro, pois fui criada vendo minha mãe e avó fazendo crochet... Agora faço pra enfeitar minha casa, presentear as amigas e manter essa arte, pois hoje em dia, quase ninguém sabe fazer... e como disse, é uma arte que vai muito de gosto... tb não gosto de jogos de banheiro, mas adoro os de cozinha... rs não gosto de cosrtinas, mas amo as colchas... e admiro as crocheteiras como vc que bolam novos pontos, ou novas peças... isso é muito legal... desejo que tenha um lindo dia... beijinhos Ale

    ResponderExcluir
  27. Olá Sonia, além de sempre visitar o seu blog, e gostar mt do que escreve, venho lhe pedir um favor, recebi o meu código PIN para receber o meu pagamento do adsense, mas não consigo introduzi-lo no site, será que me consegue ajudar?Obgada. Quanto a este texto, gostei mt de o ler, e lamento que certas pessoas não tenham mais o que fazer e sejam maldosas, mas não ligue para isso, são frustradas, pobres de espirito, eu acho que você é uma grande mulher, parabens sinceros pelo texto, bjos.

    ResponderExcluir
  28. Olá de novo, me enganei no email, sou a dudis, bjos

    ResponderExcluir
  29. Olá amiga. Vc é tudo de bom em todos os sentidos. Como mulher, mãe, crocheteira e escritora.Concordo com vc em tudo e acho q devemos deixar sempre nossa criatividade falar mais alto em td q fazemos e em matéria de criatividade vc é 1000...rs
    Parabéns pela pessoa maravilhosa q vc é. Deus a abençoe sempre mais e mais.
    Laçadas carinhosas para vc tb. Bjus da apreciadora e copiadora dos seus trabalhos
    Sandra Cunha - Araraquara - SP
    e-mail: sanmrc1@msn.com

    ResponderExcluir
  30. Gostaria de ter o dom da palavra,de escrever bons textos. Mas sou extremamente prática, visto que sou formada em matemática e na universidade minha educação física foi jogar xadrez(rs..rs..)
    Lí tudinho e adorei saber sua opinião, fecha na maioria comigo.
    Beijo!

    ResponderExcluir
  31. Hola Sonia...
    Como siempre tus reflexiones son muy acertadas... Leí detenidamente todo lo escrito y concuerdo plenamente. Yo disfruto viendo lo que hacen y publican en la net. Hay creaciones bellísimas... y hay de las otras. Hay ideas muy útiles y también de las otras... Me inclino siempre a crear algo que tenga un fin útil; me resisto a crear por crear. A esa altura de la vida, luego de 36 años de casada, lo que sobra en la casa son adornos inútiles.. (je je je...)
    Una vez más me identifico con lo que, a través del blog, voy conociendo de tí.
    Haciendo justicia debo decirte que lo que veo siempre por acá es de un exquisito gusto... Por eso vuelvo cuando puedo..
    Hasta pronto

    ResponderExcluir
  32. QUERIDA SONIA MARIA:
    LINDO TEXTO!TB/ ADORO VERDE E NOSSOS GOSTOS SÃO MUITO SEMELHANTES!TB/ NÃO GOSTO DE JOGOS DE BANHEIRO EU ACHAVA ALGO MUITO CARREGADO NO BANHEIRO,NÃO TINHA TIDO IDÉIA DA HIGENIZAÇÂO E AGORA VC ME DÁ MAIS UM MOTIVO PARA EVITAR!!

    BJO!

    MARIA ANTÔNIA

    ResponderExcluir
  33. Olá, Sônia!
    Vamos falar de crochê?
    Falando de crochê...
    - a diversidade é muito importantante e devemos aceitá-la serenamente para formarmos conceitos, do contrário ficaríamos arraigados ao atavismo.
    E quando falamos de crochê usamos o "braço" para o "abraço", as "mãos" para fazer o "laço" e a "palavra" (escrita ou falada) para exteriorizar (colocar para fora) o que vai na nossa essência...
    Falando de crochê...
    - que tal um novo post?
    Nós que sabemos a pessoa maravilhosa que é e aprendemos a admirá-la e respeitá-la esperamos por isso!
    "Feliz aquele que transfere o que sabe e aprende o que ensina. CORA CORALINA".
    Abraços entrelaçados de carinhos e beijos.
    Sua sempre amiga.
    Dô.

    ResponderExcluir
  34. Olá Sonia,

    Adorei sua conversa, uma verdadeira reflexão. Parecia que estavamos dialogando, foi essa a impressão por mim sentida. Parabéns amiga e que Deus a proteja.
    Bjs
    Katia Campos

    ResponderExcluir
  35. Oi Sônia,
    Parabéns pelo texto.
    Admiro todos os seus trabalhos.

    Abraços.

    Mabel

    ResponderExcluir
  36. Oi Sônia Maria
    Que bom que nos temos duas mestras no mundo dos blogs.Sempre que venho te visitar aprendo um pouco,obrigada.
    Continue nos enriquecendo com conhecimentos sobre crochê.
    Uma boa semana
    beijinhos no coração
    Mary Nilva

    ResponderExcluir
  37. Boa noite, Sonia,é, realmente, vc estava inspirada, amiga! Falou tudo de bom... Não liga pra esta anônima que fica querendo te atrapalhar... é inveja!falta de serviço hehe
    Bjs,com çadas,
    Lúcia

    ResponderExcluir
  38. Olá Sônia.Gostei do seu comentário.Apesar de fazer muitos trabalhos manuais,não gosot de croche no banheiro e na casa só o indispensável e naturalmente lindo.Boa Noite.abraços Richard

    ResponderExcluir
  39. Olá Sonia Maria, ainda bem que estava sentada...rsrsrs...eu concordo o crochet é uma arte. O que fazer com ele, cada uma fará o que mais gostar. Eu faço crochet desde criança, no entanto deixei de fazer pq só sabia fazer centro e toalhas e coisas do genero, como não gosto de ver nada disso em cima dos meus moveis, deixei de fazer, no entanto tenho um jogo de 2 centrinhos na minha cozinha...e porquê?Poruqe são diferentes do convencional, mas continua a adorar o convencional embora não o faça para mim pq acho q não combina c a casa...
    No entanto graças á net e há nossa amiga Elaine, percebi que o crochet dá para muito mais, e desde novembro para cá, não tenho parado.
    Com isto, só tenho a dizer vamos mostrar que há mais crocheteiras do que se pensa que cada vez mais são imaginativas, e crochet não é coisa de avozinha do passado, mas sim algo moderno, basta saber usar!!
    Beijos
    Dulce

    ResponderExcluir
  40. oi amiga muito bom dia confesso que fiquei impressionada com o seu texto e estou com você no que diz respeito ao banheiro. meus parabéns desejo que tudo na vida lhe corra como você espera que Deus lhe abençoe beijos grandes.

    ResponderExcluir
  41. Ola, amiga querida!
    Somente agora eu resolvi fazer meu blog devido alguns probleminhas de saude, coisas de mulher ne...menopausa em seguida depressao, foi dificil superar mas estou conseguindo enfrentar tudo isto com sua ajuda e tambem da professora Elaine, seu blog e encantador e cheio de energia que nos da vontade de viver..obrigada por ser esta pessoa maravilhosa
    beijos no coracao
    mahya.jp@hotmail.com

    ResponderExcluir
  42. Olá Sônia!!!!
    Adorei o texto! Realmente, o crochê é chique ou brega! rsrs
    Tenho aprendido demais com o blog. Se você visse uma peça que fiz antes do blog e do que sou capaz agora, ficaria abismada! :-D
    Compartilho da maioria de suas opiniões!! Obrigada por colocá-las no "papel".
    Só um comentário mais: infelizmente, não temos como não "bater o olho" nos comentários anteriores quando vimos aqui comentar. É lamentável que algumas pessoas percam tempo para escrever asneiras que não têm objetivo algum, somente tentar magoar as pessoas. Tenho recebido alguns recados desta natureza ("seu blog é uma porcaria"). Fico pensando o quanto é infeliz a pessoa que perde seu tempo não só visitando e lendo o que supostamente não gosta, mas também parando para escrever esse tipo de coisa. POr isso, moderei os comentários e não publico os deste tipo. Não publico, pois acredito que eles não acrescentem nada a ninguém. Se fosse críticas construtivas que acrescentassem algum conhecimento ou informação que pudesse ajudar alguém, com certeza, publicaria. Como não é o caso, não publico. Acredito, realmente, que essas pessoas estejam atrás de atenção e, por mim, não vão conseguir assim. Que procurem ajuda, terapia, sei lá... só não me perturbem!
    Você não merece esse tipo de comentário, mas - como tudo tem seu lado bom e eu sou muito "Polyanna" :-D - veja que sucesso o seu blog. Além das mais de 1 milhão de pessoas que adoram seu cantinho, ele é visitado até por quem não gosta (ou diz que não gosta - você volta sempre a algum lugar que não gosta? só um masoquista! rsrs).
    Continue a ser essa pessoa maravilhosa, honesta, sincera e sem medos de se expor! Lembre-se: o problema não é seu, é de quem não tem o que fazer!
    um beijo grande,
    Debora

    ResponderExcluir
  43. Olá Sónia!!
    Bem...estou pasma!!!
    Eu vinha dar-lhe os parabéns pelo texto magnifico que escreveu e assinar em baixo. No entanto fiquei parva ao ler o comentário anónimo (e covarde) que deixaram aqui no seu blog!!
    Mas essa pessoa não tem mais que fazer???Se naõ gosta de você e do seu trabalho o que é que ela vem cá fazer???
    Que falta de escrúpulos e de carácter...francamente !!!
    A si Sónia deixo os meus parabéns e espero que não se deixe abater por este tipo de pessoas desocupadas...

    Um abraço forte com carinho...e muitas laçadas :)

    Lau
    blog koisasfofas

    ResponderExcluir
  44. Olá Sonia

    Adorei seu texto, seus textos são sempre ótimos, mas nesse você se superou! Lendo tive a impressão de estar ouvindo vc falaro texto transmite muita emoção e seu sentimento com relação ao croche! Lindo mesmo

    bjs
    Patty

    ResponderExcluir
  45. Olá Sônia!!!
    Amei ter dedicado meu tempo a ler seu texto, concordo muito com vc!!
    o crochÊ tem que ser chique, chega de coisa brega.
    Um grande beijo, Edilene.

    ResponderExcluir
  46. Olá, Sônia, que prazer ler seu texto, depois de tanto tempo passando sempre rapidinho pelo seu blog!
    Você se expressa com uma clareza e uma simpatia que dá gosto e demonstra muuuuito bom gosto! Que coisa boa! Você vai falando sobre as coisas bonitas de crochê para se ter dentro de casa e eu vou imaginando, viajando...
    Apesar de eu preferir o crochê que tende ao "chic", tenho saudade da casa das minhas tias que eu via quando era criança: enfeitinhos, bibelôs de crochê e um ar de coisa antiga e aconchegante que eu gostaria muito de poder reproduzir.
    Agora, quanto ao ser brega, infelizmente - ou felizmente, não sei - isso passa pelo próprio feitio da pessoa: tem gente que é brega mesmo e não tem condições de avaliar o que seria bom gosto (quem sabe não tiveram oportunidades para desenvolvê-lo, não é mesmo?). Como conseqüência, reproduzem essa maneira de ser no crochê. Bem, se para essas pessoas está bom assim, respeito a opção delas e prossigo, tentando sempre refinar minha capacidade de apreciação dessa arte tão rica.
    Particularmente, adoro pisar no macio de um tapetinho de crochê à beira da pia (na cozinha e no banheiro) e não me agradam as peças de crochê com aspecto pesado, carregado, principalmente em acessórios como boinas e cachecóis.
    Para mim, o importante no crochê não é ter pressa e querer terminar a peça logo, e sim ter aquela paciência de desmanchar e refazer até que a gente fique satisfeita com o resultado - principalmente quando estamos inventando ou adaptando um modelo, ou mesmo testando cores e linhas diferentes.
    É sempre um prazer ouvir de você, Sônia. Sua inspiração nos inspira. Abraços e laçadas,
    Adriana Naves (UK)

    ResponderExcluir
  47. Boa noite amiga, sou nova no mundo do croche, e estou contigo e não abro.
    bjos.

    ResponderExcluir
  48. Oi Sônia!!!
    Há muito tempo acompanho seu blog, sou sua fã incondicional,devo dizer que aqui só tem coisas lindas e vc é mesmo uma fonte de inspiração, energia e bom gosto.
    Quero também lhe fazer um convite para conhecer o meu humilde blog, sou novata e sua opinião é importante pra mim, me sentiria honrada e orgulhosa com sua presença.
    Beijinhos

    ResponderExcluir
  49. Olá Sônia,dizem que toda unanimidade é burra,então perdão para os que discordam de ti,seu texto está ótimo ,e serviu tb para conhecer a opinião de outras amigas,não posso mais crochetar por causa do ombro,mas amo crochê com arte e graça,como os seus.
    bjs e boa semana.

    ResponderExcluir
  50. Sônia
    Não posso deixar de comentar este post!!
    Bela e Linda postagem!!!
    Toda a arte tem um mistério,e o crochet só entende e aprecia quem está disposto a desvendá-lo.
    "Anônima"
    Agora quem está disposto fora da internet a ver problemas aqui não poderia ser diferente!!!Levamos o que temos por dentro até mudando de território,país,cidade,mundo virtual,..!!Uma hora aparece o que temos lá no fundo,e transborda rapidinho!
    Desculpe Sônia responder ,tenho que parar senão já viu!!
    Bjos!
    Márcia

    ResponderExcluir
  51. Oi Sônia Maria. Td bem? Não sei se vc já pensou nisso, mas acho que poderias escrever um livro sobre crochê, talvez um livro a quatro mãos com a Prof. Elaine. Que achas?. Eu acharia ótimo. Beijos desta que tu e teus trabalhos. Tânia Regina.
    tanians@terra.com.br

    ResponderExcluir
  52. Concordo!
    Acabo deixando de fazer porque acho a maioria das coisas meio breguinhas.
    Em sites americanos têm receitas mais modernas e coisas mais interessantes. Só que, para mim que fui aprender crochê pela internet e NUNCA tinha pegado numa agulha, fica difícil de fazer...
    Até entendo a idéia geral, ms acho esses gráficos impossíveis! Sem PAP com foto ou vídeo, fica mto complicado... Deixo pras crocheteiras profissionais.
    ;)

    ResponderExcluir
  53. Susana deixou um novo comentário sobre a sua postagem "AS POSSIBILIDADES DE SE CRIAR E TECER COM O CROCHE...":

    Hola Sonia...
    Como siempre tus reflexiones son muy acertadas... Leí detenidamente todo lo escrito y concuerdo plenamente. Yo disfruto viendo lo que hacen y publican en la net. Hay creaciones bellísimas... y hay de las otras. Hay ideas muy útiles y también de las otras... Me inclino siempre a crear algo que tenga un fin útil; me resisto a crear por crear. A esa altura de la vida, luego de 36 años de casada, lo que sobra en la casa son adornos inútiles.. (je je je...)
    Una vez más me identifico con lo que, a través del blog, voy conociendo de tí.
    Haciendo justicia debo decirte que lo que veo siempre por acá es de un exquisito gusto... Por eso vuelvo cuando puedo..
    Hasta pronto

    ResponderExcluir
  54. Olá Sônia gosto de tudo que escreve , vc é uma pessoa muito inspirada parabéns.Mas gotaria que me tirasse uma dúvida quando estou fazendo um tapete com pontos altos, as vezes ele começa a embabadar, como faço para continuar fazendo se tenho 10 pontos alto preciso fazer 10 novamente na próxima, por favoe me ensina???Beijosssssssss

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ruth, no momento não tenho como fazer um vídeo para te mostrar... No entanto te indico o vídeo da Ednir
      https://www.youtube.com/watch?v=r7FFFted3xM
      Beijos

      Excluir

Amiga, se inscreva, para receber por e-mail o aviso do meu agradecimento ao seu comentário ou a minha resposta a sua pergunta. A caixinha fica do lado direito, da parte de baixo, da caixa de comentário... Assim poderemos interagir mais... Beijos

A V I S O



A T E N Ç Ã O!
A V I S O:
Todos os projetos que aqui posto são GRATUITO (FREE). Se você gostar, você pode copiar e tecer peças iguais as minhas. Pode também vendê-las e postá-las nos seus blogs ou espaços da web. Peço em contrapartida referencia ao meu blog e link para o meu post que originou a peça tecida por você. Leia maiores detalhes a seguir...
SOBRE OS MEUS DIREITOS AUTORAIS E CONCESSÕES:
  1. AUTORIZO post dos vídeos de minha autoria... Caso queira postá-los em seus blogs ou nas suas demais páginas da net, fique a vontade... Eles estão disponíveis , desde que você faça referencia ao meu blog e um link explicito para o post a que ele pertence.
  2. AUTORIZO ainda o post de apenas uma FOTO da PEÇA, de cada post, DESDE QUE seja apenas para ilustrar alguma referência que você esteja fazendo ao meu blog ou a alguma matéria da minha autoria. Não se esqueça de fazer um link explicito para meu blog e para post da referida foto...
  3. NÃO AUTORIZO postar fotos dos meus desenhos manuais de gráficos... Post a foto da peça pronta e faça um link explicito para a matéria do meu gráfico... E não diretamente a URL ou link do gráfico ou PAP... Quando se faz um link diretamente para a foto do gráfico isso impossibilita que a sua leitora conheça o meu blog, o que me prejudica financeiramente, tendo em vista que ganho pelo conteúdo, clicks e visitas no meu blog...
  4. NÃO AUTORIZO postar meus gráficos sobre fotos. Pelos mesmo motivos expostos no item 3...
  5. NÃO AUTORIZO postar meus passo-a-passo. Também pelos mesmos motivos anteriormente citados...
  6. NÃO AUTORIZO fazer vídeos das minhas peças seguindo os meus gráficos e PAP...
  7. NÃO AUTORIZO postar meus posts... Isso se chama PLAGIO.. Esse é o máximo dos abusos... Copiar um post inteiro é totalmente inaceitável. Citar uma frase é aceitável, desde que você esteja escrevendo sobre o assunto. Coloque-a entre aspas com o nome e link do blog de forma explicita... Não faça links obscuros...
  8. Em CONTRAPARTIDA peço um link para a matéria da foto que você postar e também que me avise para que eu possa comentá-los.
Conto com a sua compreensão...
Atenciosamente,
Sônia Maria

LINK-ME

TWITTER-TWEET

DIGITE O QUE ESTÁ PROCURANDO AQUI NO BLOG

Carregando...

TODOS OS MARCADORES